Um Pratinho Muito Saudável

Na hora de preparar a refeição dos filhos, oferecer um prato colorido e variado é o recomendado. Daí que nos ensinam que o ideal é lembrar também da pirâmide alimentar. Mas quem lembra direitinho da ordem dos alimentos da pirâmide, além das nutris?

Fomos apresentadas ao programa Meu Prato Saudável e Meu Pratinho Saudável. Que entre tantas coisas bacanas, vai ser uma referência de alimentação saudável para as crianças, inclusive no momento de montar a lancheira.

Uma das coisas mais legais é que programa mostra visualmente (desenha pra gente!) um prato feito seguindo as recomendações da pirâmide alimentar (óh, que coisa boa gente!).

Daí, que ficou fácil, viu! Acompanhe:

 

O programa tem também versões de pratos para “adulto”, que servem de inspiração para as refeições da criança pequena. Olha que legal esses exemplos aqui:

Vendo assim não fica muito mais fácil entender como distribuir os alimentos no prato da família? Se a criança vai comer, daí são outros quinhentos como dizia a minha vó.

No site do Meu Prato Saudável é possível ver outras variações de refeições saudáveis, além de dicas sobre atividade física, informações nutricionais elaboradas pelo Serviço de Nutrição e Dietética do InCor ( Instituto do Coração do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP) e pela Latin-Med.

O Comer para Crescer tem orgulho de apoiar e participar do projeto, divulgando, compartilhando, informando tudo o que vai acontecer no programa pelos próximos quatro anos!

No dia das crianças, por exemplo, haverá uma superprogramação para o lançamento do Meu Pratinho Saudável. Vamos divulgar tudo aqui também. Aguarde!

Acompanhe o programa também pelo Facebook. Todo dia tem informação importante sendo postada por lá. Como essa aqui:

“EDUCAÇÃO ALIMENTAR DEVE COMEÇAR NA INFÂNCIA: É a única forma para resolver a OBESIDADE!

Não se pode induzir a criança a comer batata frita como um prêmio nos finais de semana. Isso não é prêmio, é punição. Batata frita tem alto valor calórico e muita gordura saturada. A educação deve começar em casa.”

Beijos e bom prato para vocês,

Patricia e Mônica